Poesia

Parabéns, não tiveste sorte com o marido, mas foste compensada postumamente com um excelente editor

22851792_10210989422236933_8070650723837180138_n.jpg

Desde muito cedo, ainda estava eu longe do meu actual nível de “Ignorante de 1ª” em poesia, causou-me séria e chata impressão a “poesia na/da tranquilidade”. Não só com ela mas muito com ela e imagino, especialmente, em dias frios, descobri que, afinal, “a perfeição é terrível, não pode ter filhos”. E foi assim que a “poesia na/da INtranquilidade” me deu a felicidade suprema, só interrompida quando vi no cinema uma Gwyneth Paltrow a fazer de Sylvia, sempre loura e sempre sonsa. Ainda hoje não recuperei.

Colosso

Nunca conseguirei juntar-te todo,
compor-te, colar-te e unir-te devidamente.
Zurros de machos, grunhidos de porco e cacarejos
[obscenos
saem dos teus lábios.
É bem pior que num curral.

Talvez te consideres um oráculo,
porta-voz dos mortos, ou de um outro deus.
Há trinta anos que trabalho
para dragar o lodo da tua garganta.
Pouco mais sei!

Trepando pequenas escadas com frascos de cola e baldes
[de lisol
rastejo como uma formiga de luto
sobre as terras cobertas de erva da tua fonte
para reparar as imensas placas do teu crânio e limpar
os túmulos brancos, vazios dos teus olhos.

Um céu azul saído da Oresteia
arqueia-se sobre nós. Ó pai, tu só
és vigoroso e histórico como o Forum Romano.
Abro a minha merenda numa colina de ciprestes negros.
Os teus ossos estriados e os teus cabelos como o acanto
[estão espalhados

na sua velha anarquia até à linha do horizonte.
Seria preciso mais que o golpe de um relâmpago
para criar tal ruína.
De noite escondo-me na cornucópia
do teu ouvido esquerdo, abrigada do vento,

contando as estrelas, rubras ou cor-de-ameixa.
O sol ergue-se sob o pilar da tua língua,
as minhas horas casam-se com a sombra.
Já não escuto o raspar de uma quilha
nas brancas pedras do desembocadouro.

Sylvia Plath (Boston, 27 de outubro de 1932 — Londres, 11 de fevereiro de 1963)
Pela Água
tradução de Maria de Lurdes Guimarães
Assírio & Alvim
1990